Pular para o conteúdo principal

Translate

Compreensão caminho da humanização das relações humanas

Olá meninos e meninas!

Que tal lermos uma mensagem para refletir nesse final de semana?

A mensagem de hoje é, A fundamental compreensão!
O filósofo contemporâneo Edgar Morin afirma que a compreensão é fundamental para vivermos no século XXI.

Como as interdependências se multiplicam, como a comunicação se intensifica, o problema da compreensão se tornou crucial, segundo ele.
Compreensão
E, ao tratar do tema, Morin propõe uma ética da compreensão.

Essa ética parte do princípio que devemos compreender desinteressadamente, sem esperar reciprocidade.

Exige muito mais do que só compreender aquele mais próximo. O grande desafio será compreender o que consideramos diferente, o distante.

Assim nos perguntamos, como compreender o inimigo, aquele que nos deseja o mal e quer nos prejudicar?

Como compreender o assassino, o déspota, o mau?

Esse exercício de compreensão é muito mais desafiador.

É o desafio de se analisar, de se argumentar, ao invés de anatematizar, excomungar, diz Edgar Morin.

Compreender o próximo é exercitar a aproximação, a empatia, muitas vezes, a solidariedade.

Compreender não significa aceitar, concordar, ser conivente.

É o exercício de mergulhar no universo do outro, entender seus valores, suas motivações, para identificar a causa de suas ações.

No dizer de Morin, a compreensão não desculpa nem acusa. Pede apenas que se evite a condenação definitiva, irremediável, como se nós mesmos nunca tivéssemos conhecido a fraqueza, nem houvéssemos cometido erros.

Compreender é humanizar o próximo, entendendo que tantas vezes também teremos necessidade de sermos compreendidos.

Assim, antes de julgar, avaliar, analisar, buscar compreender.
*   *   *
Afrontado pela turba prestes a apedrejar a mulher adúltera, Jesus usou da compreensão.

E conclamou aquelas pessoas a imitá-lO, mostrando que todos nós estamos sujeitos a erros e tropeços.

Foi por esse motivo, compreendendo suas próprias fragilidades, que um a um, os homens foram deixando a praça pública, deitando as pedras ao solo, como descrevem os Evangelhos.

Mulher, onde estão os teus acusadores? Ninguém te condenou? Perguntou-lhe o Mestre. Eu também não te condeno.

Era o exercício da compreensão, não da conivência.

Por isso, conclui o diálogo aconselhando-a: Vai e não tornes a pecar.

Deixa claro que o erro existia, porém ensinando que a compreensão é a grande lição a ser aprendida.

Assim, antes de julgarmos outra pessoa, busquemos a compreensão.

Talvez sua grosseria seja apenas a dificuldade em lidar com os problemas profundos que traz em seu cotidiano.

Ainda, a agressividade de outrem pode ter-se originado em raízes profundas de desestruturação familiar e social.

Afinal, logo mais seremos nós os necessitados da compreensão alheia, frente aos prováveis deslizes que surgirão.

Como bem analisa Edgar Morin, se soubermos compreender antes de condenar, estaremos no caminho da humanização das relações humanas. 
= Redação do Momento Espírita, com base no cap. VI, 
do livro Os sete saberes necessários à educação do futuro, 
de Edgar Morin,  Cortez Editora. =
Beijos
Pelo que tenho observado nas pessoas, e também muitas vezes eu mesma peco pela  falta de compreensão em todos os sentidos, penso que precisamos urgente mudar esse quadro!

Abraços e carinhos, até breve ...
Beijos, Minda!
Minda Silva

Comentários

  1. Dói muito quando as pessoas não nos compreende. Então, partindo desse princípio, deve ser muito sofrido para alguém que também não tem a nossa compreensão.

    Fuito lega a sua postagem, Minda!
    Não conheço o filósofo, mas estou de acordo que compreender as pessoas hoje é de fato uma arte de sobrevivência. Senão uma hora ou outra as pessoas explodem e nem nunca podemos saber o porquê.

    É isso, moça!

    Grande abraço!

    http://pontosdefe.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Seja bem vindo(a), sua presença nos deixa muito feliz!
Bjos,
Volte Sempre!

Postagens mais visitadas deste blog

Tratamento para tirar manchas na pele

Olá meninos e meninas tudo tranquilo por aí? Aqui no sul sempre frio, mas ainda sim está gostoso. Hoje trago um dica bacana pra nós acabarmos com as manchas do rosto e diminuir estrias. Quem gosta de estar com a pele manchada? Ninguém né? Então sempre buscando soluções, achei no pesquisar do Google alguns blogs e vídeos dando várias dicas, umas até meio estranhas, essa que passo hoje, me interessou muito, por isso estou testando, e resolvi passar a vocês. Vamos ver como tirar as manchas do rosto e diminuir as estrias. Vamos as dicas? Como tirar manchas do rosto: Para tirar manchas do rosto, você pode usar uma pomada que usamos para assaduras de criança.  Use Hipoglós (o suficiente) para passar no rosto, junto   com 3 gotinhas de óleo de  rosa mosqueta, misture os dois ingredientes, e passe no rosto, passe a noite, e durma com essa mistura, pela manhã lave o rosto.   Se você tem o rosto muito oleoso  deixe uns 20 minutos, retire e passe seu tônico ou creme us

Shampoo e Condicionador Seda Pretos Luminosos

Olá meninos e meninas! Hoje mais uma vez vou falar de cabelos, pode até ser meio chato, mas para quem viu seus cabelos caindo, caindo e achando que ia perder tudo, fica creio eu, meio que viciada em produtos  para os cabelos. Nesse caso falo de mim mesma. Shampoo e Condicionador Seda Pretos Luminosos Hoje quero falar do Shampoo e Condicionador   Seda Pretos Luminosos , essa linha contém melanina e dá brilho aos cabelos escuros, ressaltando sua luminosidade, além de cuidar delicadamente dos fios. Acho a embalagem é muito bonita e o perfume é simplesmente maravilhoso! Shampoo   Seda Pretos Luminosos O shampoo Seda Pretos Luminosos com melanina ressalta o brilho e cuida delicadamente do cabelo, além de restaurar os fios danificados e devolver a sua luminosidade em poucos minutos. ele é bem escuro e líquido.  É claro que meus cabelos não são pretos, mas mesmo assim eles ficam com brilho e muito bonitos após a lavagem com essa linha da Seda, que na minha opinião, é

Argila verde na face

Olá meninos e meninas tudo bem? Hoje vou mostrar como faço para deixar minha pele do rosto, macia, com brilho e sem uns cravinhos indesejados. Você pode comprar a argila em farmácias de manipulação na sua cidade, ou como eu use a argila em pó da Maquel. Misture a argila com água, cuide ao colocar a água para não ficar muito líquida, ela precisa ficar com uma consistência de creme, pastosa. Lave o rosto, com sabonete apropriado, faça uma esfoliação, com produto próprio ou com um produto caseiro, lave novamente seu rosto  e seque. Com um pincel passe a argila no seu rosto, e deixe secar, procure não falar, sorrir ou mexer com a face, para que não fique marcas. Espere secar. Depois de bem seca a argila,  lave o rosto em água corrente, se tiver utilize uma esponjinha especial para massagem, ajuda a retirar a argila. Limpe bem o rosto, e finalize com um creme hidratante. Seu rosto ficará vermelho, você o sentirá muito quente, mas é normal,  é porque a argila