Tradutor - Translate

11/02/16

Finanças, como evitar que se tornem uma dor de cabeça?

Olá meninos e meninas, tudo na paz?

Como está sendo o início de ano pra você?

E as suas finanças como estão? É certo que chega final de ano e início de ano e o décimo terceiro já não existe mais, e se tirou férias o recebido também se foi e quando percebemos, recomeça o ano letivo e lá vai mais gastos, mas será que sobrou algum após final do ano?
Dinheiro

Quem já parou pra pensar porque o dinheiro vai embora e não percebemos? Alguns pensam  que o motivo maior da falta de grana está no fato de ganharem pouco, confesso que eu também pensava assim, e sempre achei que eu deveria receber muito mais, (na verdade ainda acho rsrs).  

Mas não é pra menos todo tempo estamos sendo bombardeados pelas indústrias do Marketing que nos induzem a pensar que um determinado objeto com um preço elevado, seja de qualidade superior ao de preço baixo, o que nem sempre condiz com a verdade, afinal ambos podem ser ótimos independente do valor. 
Compras

Vivemos numa sociedade consumista e somos literalmente manipulados a todo instante para consumir mais e mais, no pouquíssimo tempo em que cursei Administração, aprendi que “Quanto maior o poder aquisitivo, maior a necessidade de consumo.” E é a mais pura verdade, senti na pele isso!

Vamos combinar que o salário não é lá essas coisas, pode estar muito abaixo da inflação mas nossa falta de interesse ou conhecimento em  como administrar nosso dinheiro de forma correta é que nos causa transtorno nas finanças.
Comprinhas

E cada vez fica mais e mais complicado chegar ao fim do mês e sobrar algum dinheiro, na verdade as vezes até falta. 

Mas como evitar que as dívidas criadas no final e início do ano, venham tirar o nosso sono durante o ano todo? 
Compras

Bom vejamos algumas dicas que achei na revista Eu te vi:
  • 1 - A frase é antiga, mas de grande valia: “Nunca gaste mais do que ganha”. Toda vez que se sentir tentado a comprar algo que não caiba em seu Orçamento, pesquise, pense, reflita e só depois tome a decisão que tiver que tomar.
  • 2 - “Poupe pelo menos 10% do seu salário todo mês” (difícil né? mas possível). Esses 10% poderá  garantir pequenas emergências que vierem a ocorrer em determinados momentos da vida.  Ou simplesmente guarde todos os dias um real, e você verá o quanto de dinheiro terá ao final do ano, pode até parecer pouco, mas acredite não é.
  • 3 -  “Nunca faça financiamentos que irão comprometer mais que 30% de sua renda”. Pois financiamentos devem ser pagos à risca para evitar os juros altíssimos que são cobrados em casos de atraso. 
  • 4 - “Evite utilizar o cartão de crédito em compras”. Isso nos dá a falsa sensação de termos dinheiro em mãos e gera frustração no momento do pagamento, não esqueça dos juros que são muito altos caso você não pague em dia.
  • 5 - Toda vez que for comprar algo, “pense em quantas horas, dias ou semanas você precisou trabalhar para conquistar aquilo e pergunte-se, a compra é realmente necessária?” 
  • 6 - Sempre “considere em suas compras, o valor agregado relacionado a Produtos e Serviços”. Lembre – se que ao comprar um carro, você está assumindo também o compromisso de pagar a Taxa de Transferência, IPVA, Licenciamento, Manutenção e gasolina. Portanto, sem planejamento, o que era sonho poderá se tornar uma cilada.
  • 7 - “Invista em você e em sua Educação e Saúde”. Mantenha-se atualizado, faça cursos de qualificação e valorize seu produto. Quando se trata de Mercado de Trabalho, todos nós somos considerados um produto e, sendo assim, precisamos agregar valor á nossa experiência profissional.
  • 8 - Se você tiver filhos, “Incentive-os a poupar desde cedo”. Explique a eles sobre a importância de “guardar um pouco de dinheiro” todo mês. Reconheça que, quando educado desde pequeno, a criança tem boas condições de se tornar um adulto responsável e disciplinado.
  • 9 - Por fim, “poupe, mas saiba reconhecer quando é necessário se dar um presente” como forma de compensação pelo esforço feito para economizar. 

Beijos
As vezes precisamos priorizar coisas importantes e gastar somente quando for realmente necessário, de uns anos pra cá, comecei a priorizar o que quero pra mim, e parei de ser tão compulsiva, antes não podia sair de casa que tinha necessidade, ou melhor, PRECISAVA trazer algo pra casa (produto, o que quer que fosse), mas e porque? Ansiedade, e compulsão, essa é a resposta.

Graças a Deus saí disso, agora só gasto naquilo que realmente for necessário e deixo os supérfluos só quando realmente sobra algum, aí até mereço um presentinho né? rsrs.
Presentes

Espero que as dicas lhe ajudem caso você esteja nessa situação, de ver seu dinheiro sumir misteriosamente no final de cada mês!

E você como cuida das suas finanças? Comente, deixe sua opinião, ela é muito importante para nós!

Abraços e carinhos, até breve ...
Beijos, Minda!
Minda, Masso Vita


19 comentários:

  1. Oi.
    Eu sou uma negação quando se trata de cuidar das finanças. Sempre gasto mais do que tenho, você esta de parabéns. Este post vai ajudar muitas iguais eu, ótima dica 😉
    Bjo

    ResponderExcluir
  2. Minda sou uma pessoa que gosta de comprar mas não sou consumista que vai comprando tudo que ver pela frente, comprar é bom mas tem que ter um certo limite para não se endividar. Excelentes as suas dicas, com certeza vai ajudar muitos, beijos.

    ResponderExcluir
  3. Minda adorei o post eu tbm gosto de compra mas compro aquilo que realmente estou precisando no momento, temos que ter certos limite pra poder ter sempre um dinheirinho a mais. bjim :D obrigada pela visita borboletando-emtudo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi Minda,amei o post,com certeza que irá ajudar a muita gente.
    Nunca fui consumista,mas conheço pessoas na família que são.
    Obrigada pelo post e certamente que mostrarei para elas.
    Bjsss

    ResponderExcluir
  5. Amei seu post Minda, olha eu já fui muito consumista, daquelas de comprar e não usar rs agora estou bem econômica,ainda mais que parte da minha verba vem de investimentos, então compro só o que preciso,tenho até uma planilha de gastos rs é muito marketing diante dos nossos olhos, toda hora aparece algo novo para comprar, se a gente não vigiar acaba o mês devendo todo mundo. bjos

    ResponderExcluir
  6. Isso mesmo!A Razão deve vencer a Emoção! Devemos usar a Sabedoria em todos os Setores.Gastar mais do que se ganha é uma Loucura! Beijos e fique com Deus!

    ResponderExcluir
  7. Oi Minda, amei seu post.
    No mundo consumista e capitalista de hoje é difícil pensar em poupar, mas é algo extremamente necessário, minha mãe me ensinou desde muito cedo o valor do dinheiro e graças a ela eu penso bem antes de comprar algo. Suas dicas aqui foram excelentes, parabéns!
    Bjokas da Vaci :*
    http://papodeesmaltebyvacieni.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Nossa é muito verdade, a sociedade é muito consumista e não gastar mais do que seu salário assim não ter uma dor de cabeça no final do mês. Adorei as dicas ;) Beijos!!

    ResponderExcluir
  9. O post me ajudou bastante vou fazer isso quando começar a trabalhar obrigada pelas dicas.

    beijinhos

    ResponderExcluir
  10. Ótimas dicas Minda, pois do jeito que colocaram o nosso país, temos que nos virar agora, vou mostrar a mocinha aqui de casa, para ela também por em prática

    Beijos
    Rafael

    ResponderExcluir
  11. Eu sou um pouco mão fechada, mais quando gasto, gasto. mais não tenho problemas com isso, Amei suas Dicas!

    bjúús

    ResponderExcluir
  12. Parabéns pelas dicas, eu estou juntando dinheiro em um cofre com cadeado. Porém as chaves não se encontram em minha propriedade kkkk


    ResponderExcluir
  13. Esse ano eu jurei pra mim mesma que vou guardar dinheiro tô vendo minhas amigas comprando casa comprando carro e eu nada esse ano eu comecei decidida. E suas dicas me ajudaram ainda mais já até baixei uma planilha agora de gastos e vou controlar tudo chega de gastar dinheiro atoa rsrs.

    Bjos ❤

    www.blogdawanessacosta.com

    ResponderExcluir
  14. Oi Minda como sempre trazendo postagens agregáveis a vida adoreii demais as dicas super válidas, devemos tomar cuidado, beijos

    ResponderExcluir
  15. Oi Minda! Já fui muito mais consumista, hoje me controlo mais rs, suas dicas são valiosas e temo sim que dar mais valor ao nosso dinheiro né,beijos.

    ResponderExcluir
  16. nossa que post legal
    meu marido segue tudo isso a risca desde criança
    eu nem tanto mas deveria aprender mais sobre isso
    bjs

    ResponderExcluir
  17. Mynda sou do tipo mão de vaca kkkk so gasto se necessario. Com comida nao. Mas com coisas superfulas sim. Bjs

    ResponderExcluir

Seja bem vindo(a), sua presença nos deixa muito feliz!
Bjos,
Volte Sempre!

Receba no seu email

Coloque seu email:

Assine nosso FeedBurner

.

.

Divulga Links

Siga-nos por Email

Postagens populares