Tradutor - Translate

02/02/14

Algumas atitudes favorecem a nossa saúde

Alimentação saudável
Olá meninos e meninas, tudo bem por aí?

Aqui tudo tranquilo, só o calor que voltou a toda, e isso causa um certo desconforto, mas precisamos trabalhar, tocar a vida, com calor ou sem calor rsrs, então vamos que vamos.

Que tal falarmos um pouco sobre alimentação saudável?

Confesso à vocês que sou meio relapsa as vezes, mas estou sempre pesquisando formas de melhorar meu dia a dia através de uma alimentação mais saudável, o que se torna difícil as vezes com a quantidade de coisas que encontramos nos super mercados, acabamos muitas vezes comprando mais por gulodice do que por necessidade. 

E com isso saímos da linha, ficamos com gordurinhas extras, e acabamos brigando com o espelho sendo que nós somos os culpados, enfim, temos de nos cuidar melhor. Eu principalmente porque estou numa idade em que isso é mais do que importante, é primordial, embora os cuidados com a saúde devem começar desde cedo, na infância

Li esse texto e achei importante divulgar, é da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), vale a pena ler, eu recomendo.

Alimentação saudável:
A alimentação para nós  seres humanos possui um  significado maior do que apenas garantir as necessidades do corpo. O ato  de comer está relacionado a valores sociais, culturais, afetivos e sensoriais. Na maioria das vezes, comer é um momento  de prazer e confraternização com nossos amigos e familiares.

O alimento torna-se, assim, muito mais do que uma fonte de nutrientes. Apreciamos as cores e gostamos de sentir a  textura e o sabor da comida. Mas isso não é tudo! Nesse jogo de sensações, precisamos lembrar que uma alimentação  saudável:
não precisa ser cara, pois pode ser feita com alimentos naturais, produzidos na  região em que vivemos;
deve ser colorida e composta por alimentos variados;
é saborosa;
precisa ter qualidade e ser consumida na quantidade certa; 
deve ser segura para o consumo, ou seja, estar livre de contaminação.

(Nutrientes são substâncias presentes nos alimentos, que nos dão energia, promovem o crescimento e o desenvolvimento e mantêm nosso corpo saudável.)

Mudanças na alimentação ao longo do tempo e seu impacto na saúde.
Com a evolução da sociedade, muitos tipos de alimentos foram criados e, para garantir  maior aceitação da população, foram introduzidos novos ingredientes. Com isso, surgiram  produtos cada vez mais atraentes e saborosos.

Por exemplo: açúcar para adoçar; gordura saturada e gordura trans para dar maior maciez,  leveza e cremosidade; sódio para acentuar o sabor; corantes para dar cor especial e  aromatizantes para criar um cheirinho irresistível.

Produtos cada vez mais presentes nos alimentos industrializados.
Açúcar: é fonte de energia para o ser humano. Mas,  quando comemos em exagero, pode causar aumento de  peso e excesso de gordura no sangue.

Gordura saturada: é um tipo de gordura muito  encontrada em alimentos de origem animal. Comê-la  excessivamente pode provocar o acúmulo de gordura nos vasos sangüíneos e causar doenças do coração.

Gordura trans: é produzida pela transformação  de óleos vegetais em gordura vegetal hidrogenada.  Está presente em produtos como biscoitos e chocolates. Consumida, em excesso, pode causar problemas de saúde,  principalmente ao coração.

Sódio: faz parte do sal de cozinha e é acrescentado aos alimentos, pelas indústrias, para dar um sabor mais salgado e aumentar o tempo de conservação, ou seja, a validade do produto. comer muito sódio pode causar pressão alta.

No entanto, todos esses novos produtos reduziram a qualidade nutricional dos alimentos. Alguns deles têm se tornado tão populares que passaram a ser cada vez mais desejados, como os salgadinhos, refrigerantes, sorvetes, biscoitos e muitos outros.

Então, parte da população habituou-se a comer esses alimentos somente para saciar desejos e "estar na moda", sem considerar que os excessos podem trazer problemas à saúde, como a obesidade, a pressão alta, o diabetes e as doenças do coração.

A influência da propaganda na alimentação:
A propaganda é uma das principais formas de se divulgar produtos. Seu papel é  tornar o produto anunciado algo mais desejado e necessário. Muitas vezes, para  conseguir esse resultado, a propaganda tenta passar a ideia de sucesso e modernidade  ao produto que está sendo divulgado.

No entanto, a rapidez com que novos produtos são criados e colocados no mercado  os transforma em algo que parece descartável, antigo e que não serve mais. Isto  acontece porque outros produtos são criados para substituir aqueles anteriormente  divulgados, o que resulta em um grande ciclo de consumo.

Esse processo não é diferente para os alimentos. Uma das principais formas de divulgá-los  para a população é por meio da propaganda em rádio, televisão, revista, entre outros, que  acabam por nos influenciar. 
Quem não passou por situações como essas:
Encantar-se ao ver o seu super-herói favorito anunciando um cereal?
Querer toda a coleção de brinquedos distribuídos em promoções de  refeição e sanduíche?
Interessar-se pelo novo biscoito recheado da propaganda, que vem em formato de bichinhos e é super divertido?
Desejar beber o mesmo refrigerante que os astros de rock ou a banda  de música preferida?

Assim uma equação nada saudável é criada:
Equação
A propaganda, principalmente na televisão, incentiva o consumo de alimentos que nem sempre são  essenciais ou fazem bem para a nossa saúde.

Um grande problema é que são anunciados muitos alimentos que têm, em excesso, nutrientes que  não devem ser consumidos em grande quantidade (como já vimos, a gordura saturada, a gordura trans, o açúcar e o sódio). Ao contrário disto, tornou-se menos comum vermos propagandas que  estimulem o consumo de verduras, legumes, feijão, frutas e outros alimentos saborosos e ricos em  nutrientes. 

Para ajudar a proteger a saúde da população, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária começou  a discutir, com toda a sociedade, os caminhos para a melhoria da propaganda de vários produtos;  entre eles, os alimentos. A idéia é que as propagandas não coloquem em risco a saúde das pessoas, principalmente a das crianças.

O que é importante lembrar?
A família, a escola e as indústrias devem contribuir para que a nossa sociedade  seja mais saudável, buscando divulgar os benefícios de uma alimentação mais  adequada às reais necessidades do organismo. 
É necessário resgatarmos a nossa cultura alimentar, valorizando os alimentos  saudáveis da nossa região e resistindo aos apelos das propagandas. 
O alimento deve ser uma fonte de prazer e de saúde e não algo que possa comprometer o nosso bem-estar por causa de abusos ou do consumo  inadequado. 
Antes de comprar um alimento, é preciso olhar com muita atenção os rótulos  dos produtos, o prazo de validade, a lista de ingredientes, a informação sobre  os nutrientes, a aparência e verificar se a embalagem está íntegra. Não se pode  comprar produtos que tenham as embalagens sujas, amassadas, estufadas,  enferrujadas, furadas ou abertas. 
Algumas atitudes favorecem a nossa saúde: comer sempre frutas e verduras,  beber muita água e praticar alguma atividade física.

A melhor maneira de colaborar para a construção de uma  vida mais saudável é divulgar o que você aprendeu para 
todas as pessoas que você conhece.
Fonte: Anvisa
Barrinhas
Bom, estou fazendo a minha parte,  divulgando isso que acho super importante, mais como um  alerta,  e também passo a vigiar mais esses "desejos" que nos são embutidos através de propagandas, afinal não é o mesmo que comprar roupas ou aparelhos eletrônicos ou móveis, esses apenas nos deixam um pouco mais pobres financeiramente, mas os alimentos sem um equilíbrio no consumo,  podem prejudicar muito nossa saúde, e as vezes sem perceber acabamos prejudicando nossas crianças com excesso desses alimentos. 

Não é nunca comer, é aprender a equilibrar. Mas cabe a cada um por a mão na consciência e fazer o que acha certo para si.

Você é do tipo que compra tudo que vê na tv? Deixe-nos sua opinião, ela é muito importante para nós!

Abraços e carinhos, até a próxima ...
My
Masso Vita

3 comentários:

  1. Adorei o post! Com a vida corrida, infelizmente é mais fácil procurarmos comidas semi prontas que têm muitos conservantes e gorduras. Eu procuro comer da forma mais saudável possível, só reservo o fim de semana pra sair um pouco das regras.
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. gostei das dicas,
    estiloglamurosas.bolgsport.com.br

    ResponderExcluir
  3. olá! estou aqui pensando...
    seu blog foi um dos primeiros que eu segui!
    amei esse post sobre alimentação saudável, gosto bastante de cuidar da alimentação da família
    Sucesso! beijos
    socorromaterno.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Seja bem vindo(a), sua presença nos deixa muito feliz!
Bjos,
Volte Sempre!

Receba no seu email

Coloque seu email:

Assine nosso FeedBurner

.

.

Divulga Links

Siga-nos por Email

Postagens populares